Ralicross Montalegre I    Regulamento Part.da Prova       Ficha de Inscrição   Lista de Inscritos     Tempos Online       Mapas de Classificações   N/D - Não disponível

Joaquim Santos nos Super Car e Ana Matos, nos Super Nacional 4wd, foram os vencedores das categorias dos carros de tração total.

 

 

 

 

Foram cinco os pilotos presentes e a correrem juntos, entre os carros de tração total, divididos em duas categorias.

Nos treinos, Pedro Matos (Citroën DS3) foi o mais rápido, seguido de sua irmã, Ana Matos (Mitsibishi Lancer Evo VI), Daniel Costa (Peugeot 106 bimotor) e Carlos Pereira (BMW E30ix). Joaquim Santos (Ford Focus) não alinhou nos treinos, nem na primeira corrida.

Nas qualificações, Pedro Matos venceu duas e Joaquim Santos a restante. Estavam os dois na linha da frente, com Daniel Costa no lugar do meio. Atrás, encontravam-se Carlos Pereira Ana Matos. Esta, tal como Joaquim Santos, com menos uma qualificação.

Na final, Joaquim Santos partiu de fora, mas na primeira curva já comandava, com Pedro Matos colado na sua traseira. Mais atrás Ana Matos, seguida por Daniel Costa e Carlos Pereira. A luta pela vitória prometia, com Santos na liderança e Matos muitos próximo. Pouco depois do meio da corrida, o pneu direito da frente do DS3 de Pedro Matos furou e, este ficou para trás, ainda conseguindo terminar na segunda posição, mas com a sua irmã, Ana Matos colada na sua traseira. Ana, que venceu a sua categoria. Daniel Costa foi o quarto, segundo dos Super Nacional 4wd, com Carlos Pereira no quinto lugar, terceiro dos 4wd.

Joaquim Santos (Ford Focus)

Pedro Matos (Citroën DS3)

Ana Matos (Mitsubishi Lancer Evo VI)

Daniel Costa (Peugeot 106 bimotor)

Carlos Pereira (BMW E30ix)

Pódio Super Car – Joaquim Santos e Pedro Matos

Pódio S. Nacional 4wd – Ana Matos, Daniel Costa e Carlos Pereira