Joaquim Machado, com o Peugeot 206 S1600, terminou o Ralicross Vila de Mação, que se realizou este fim-de-semana, na segunda posição.


Foi debaixo de forte canícula que se realizou a quarta jornada do Campeonato Nacional de Ralicross. Uma prova que teve perto de 60 participantes, entre eles o piloto da Kaxa & Motor, Joaquim Machado.
Naquela que é a categoria mais competitiva, a Super 1600, Joaquim Machado terminou as mangas de qualificação no segundo posto. Depois, numa final muito bem disputada, lutou pela vitória, mas teve de se contentar com a segunda posição. O traçado de Mação não é propício a ultrapassagens e nem mesmo a estratégia da passagem pela Joker lap, deu o fruto esperado. Ou seja, a passagem para a liderança da final.
“Foi uma jornada difícil, pois foi muito o calor e os carros ressentiam-se disso, com os motores a atingirem altas temperaturas. Consegui uma boa classificação, mas que ainda poderia ter sido melhor, caso não tivesse cometido um erro, na primeira corrida. Teria ganho a pole-position para a final e, ao partir dessa posição, teria boas hipóteses de vencer. Contudo estou satisfeito, com este segundo lugar, pois a concorrência está muito forte”. Palavras de Joaquim Machado, terminado o Ralicross Vila de Mação.
Quanto a campeonato, e quando faltam mais três provas, tudo é possível. Joaquim Machado, encontra-se na quarta posição, mas a somente 8 pontos da liderança.
A próxima jornada é em Montalegre, nos dias 30 e 31 deste mês de julho.

OffRoad Portugal - Comunicação e Assessoria

Pin It
rodape_3.png
Go to top
JSN Boot template designed by JoomlaShine.com