Segundo as nossas contas, já são Campeões cinco pilotos. São-no “virtualmente”, pois só serão donos dos títulos, depois dos resultados serem oficializados pela FPAK.

 

 

 

Ou seja, são quatro do PRx e um do PKx. Montalegre, dará a conhecer os restantes três.
Na Iniciação, a vitória de João Novo, entregou-lhe o seu primeiro título. Venceu e conseguiu um total de pontos que mais nenhum piloto poderá alcançar. Tem, para já, 237. Na luta pelo segundo estão Rafael Rocha e Pedro Domingos. As possibilidades são muito idênticas.
Na Super Nacional, Luís Moreira, com o BMW, não venceu a prova, mas não era necessário que o fizesse. Já tem 223 pontos conquistados e nenhum dos seus adversários o pode alcançar. Em aberto está o segundo lugar que agora pertence a Santinho Mendes, seguido de Daniel Sousa.
João Ribeiro, em Mação, na Super 1600, não se fez rogado e alcançou duas vitórias. A do Campeonato e a da prova. Já totaliza 217 pontos. Quanto ao segundo posto, o lugar já tem “reserva”. Dificilmente poderá ser “anulada”. José Eduardo Rodrigues é o principal candidato. Já para o terceiro posto, Hélder Ribeiro, Mário Teixeira, Joaquim Machado e Bruno Gonçalves, são candidatos.
O outro Campeão, ou antes Campeã, é Ana Matos. Conquistou o título da Super Nacional 4wd.
Será que quem ganha oito Campeonatos é um Octocampeão? Então é esse o título que Pedro Rosário ostenta desde ontem, no Kartcross. Um segundo lugar, foi mais do que suficiente, para que o piloto da Energia Racing vencesse o seu oitavo título, sétimo consecutivo.
Para o segundo posto, a luta é grande. Os dois principais, são José Luís Pereira e Jorge Gonzaga. A balança tomba ligeiramente para o lado do primeiro. José Mota e Rui Nunes, ainda lá poderão chegar.
A todos, o OffRoad Portugal, dá os Parabéns.

Pedro Rosário

Ana Matos

João Ribeiro

Luís Moreira

João Novo

Direitos de autor © 2017 Offroad Portugal. Todos os direitos reservados.
Joomla! é um software livre produzido sob a licença GNU GPL.
Go to top
JSN Boot template designed by JoomlaShine.com