O terceiro título encontrado em Mação, foi o de João Ribeiro, na Super 1600. Festejou-o com uma vitória.

Na Nacional A 1.6 Pedro Tiago conquistou o máximo de pontos possíveis e passou a ser mais um candidato ao título.

Mação teve duas “estreias”, na categoria Super Nacional. Santinho Mendes conseguiu a sua primeira vitória nesta categoria e Luís Moreira venceu o seu primeiro título.

O primeiro piloto a sagrar-se Campeão em Mação, foi João Novo, ao vencer a primeira final da tarde.

O Ralicross de Montalegre, realiza-se dias 14 e 15 de outubro. Ou seja, a seguir a uma sexta-feira 13.

Segundo as nossas contas, já são Campeões cinco pilotos. São-no “virtualmente”, pois só serão donos dos títulos, depois dos resultados serem oficializados pela FPAK.

Na primeira corrida de qualificação, na tarde de sábado, ocorreu um aparatoso acidente, pouco depois da partida. A corrida foi imediatamente interrompida e os pilotos envolvidos, rapidamente assistidos.

Na primeira manga do kartcross, no final da tarde de sábado, Mário Rato sofreu um aparatoso acidente. O piloto tem uma perna partida e, evidentemente uma recuperação de alguns meses pela frente.

A jornada dos Campeonatos Nacionais de Ralicross, Kartcross e Super Buggy, que se realiza este fim de semana em Mação, terá um programa dentro do habitual das provas destas modalidades.

Dos oito Campeões, seis deles podem ser já encontrados em Mação. Só os Super Car e Super Buggy, não poderão ser decididos.

Um dos ausentes de Mação 2, é o atual Campeão da categoria Super Nacional, Celmo Guicho.

Recebemos ontem um comunicado, enviado por quatro dos pilotos da categoria Super Buggy, explicando o facto de não se terem inscrito em duas provas do CNSB.

Apoios

                    

rodape_1.png
Go to top
JSN Boot template designed by JoomlaShine.com