Terminou o WRX de 2018, com a prova hoje disputada na África do Sul, com mais uma vitória de Johan Krsitoffersson.


Com o título há muito entregue a Johan Kristoffersson, VW Polo, faltava saber quem o acompanharia no pódio do Campeonato. Ekström, Audi S1, Bakerud, Audi S1, e Solberg, VW Polo, eram os principais favoritos. Chegaram à África do Sul, separados por 7 pontos. Mais atrás, mas a 16 pontos de Solberg, encontrava-se Sébastien Loeb, Peugeot 208.
A vitória foi de Johan Kristoffersson que, desta forma, só não venceu uma jornada, a da Bélgica. Em todas as outras, foi seu o lugar mais alto do pódio. Conquistou o Campeonato, com mais 93 pontos que o segundo classificado. E este foi Mattias Ekström que, nesta prova africana, levou o Audi também a um segundo lugar, à frente de Sébastien Loeb. Loeb, com esta posição, ultrapassou Solberg no Campeonato. Terminou em quarto, atrás de Andreas Bakkerud, que não passou da primeira meia-final, nesta derradeira ronda do WRX 2018.
Quanto ao Campeonato de equipas, que já era do PSRX Volkswagen Sweden com 568 pontos, a EKS Audi Sport ficou no segundo posto, à frente do Team Peugeot Total. EKS Audi com 485, mais 65 do que a Peugeot Total. Duas equipas que não irão estar no próximo ano, segundo se ouve dizer.
No Killarney International Raceway, onde se realizou esta jornada, também estiveram presentes os RX2. O norueguês Ben-Philip Gundersen foi o vencedor, com o seu compatriota Sondre Evjen em segundo, seguido do letão Vasily Gryazin.
Quanto ao título, desta RX 2 International Series, foi do sueco Oliver Eriksson que terminou esta jornada, no sexto posto.

Fotos de arquivo – Johny Loix (direitos reservados)

Mattias Ekström sagrou-se vice-Campeão

Johan Kristoffersson venceu a sua 11ª. prova, este ano

Apoios

                    

rodape_1.png
Go to top
JSN Boot template designed by JoomlaShine.com