Foram hoje publicadas, no sítio oficial da FPAK, as orientações da DGS, o Plano de Contingência FPAK e a Resolução de Conselho de Ministros, documentos que irão regulamentar o desporto automóvel.

Assim, numa primeira analise à Proposta Plano de Contingência de Competições, cujo conteúdo analisaremos com mais pormenor mais tarde, as diretrizes base são as que já estamos habituados no nosso dia a dia. Nomeadamente o uso de máscara e o distanciamento social. Será analisado a capacidade do espaço e em concordância definido o número de pessoas.
Cabe ao organizador divulgar as diretrizes obrigatórias. O paddock estará vedado a pessoas não autorizadas.
Quanto ao público, transcrevemos as diretrizes publicadas.
As competições poderão ser disputadas à porta fechada e os organizadores devem considerar o seguinte:
•Sem público ou com zonas destinadas ao público com limitações de número de pessoas, devidamente vigiadas por elementos das forças policiais, desde que cumpridas todas as normas de segurança preconizadas pela DGS para estas situações;
•O acesso ao paddock e boxes deve estar limitado aos elementos credenciados pela equipa e oficiais de prova;
•O uso de EPI e o distanciamento social devem ser cumpridos;
•Todo o paddock e boxes devem estar isolados e com acesso condicionado;
•A prova poderá ser gravada e transmitida em direto pelos meios audiovisuais
Pelo que cabe ao organizador, em conjunto com a Federação, estabelecer se a prova terá ou não público, assim como a lotação das bancadas.

Poderá ler os documentos referidos acima AQUI

Pin It
rodape_2.png
Go to top
JSN Boot template designed by JoomlaShine.com